Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As dicas da Ba

Um blog 360º com dicas e sugestões para as diferentes áreas da vida.

12 Dicas para poupar no seu orçamento

Ba 31.10.16

 

saving-money.jpg

 Hoje é Dia Mundial da Poupança! Aproveitando o mote deste dia deixo-vos aqui algumas dicas para pouparem em diferentes categorias. 

 

1) Faça um orçamento familiar. Utilize um caderno, uma folha de cálculo, documento de computador ou aplicação de telemóvel para apontar todas as despesas. Eu utilizo a aplicação portuguesa Boonzi. Durante muito tempo usei uma norte-americana mas desde que descobri o Boonzi fiquei fã. Tem de apontar todas mesmo, desde o café até à prestação da casa. Organize depois por categorias e atualize os gastos que fez todos os dias. A vantagem do Boonzi é que faz essa parte sozinho. Só assim saberá exatamente para onde está a ir o seu dinheiro e poderá fazer ajustes.

 

2) Pague-se a si primeiro. Defina um valor de poupança mensal e mal receba coloque de parte esse montante. Esperar que chegue o final do mês para colocar de lado o que sobra é mais difícil do que ajustar o orçamento depois de retirado, à cabeça, um montante para a poupança.

 

3) Créditos. Veja alternativas no seu crédito à habitação, e seguro de vida associado, em diferentes instituições financeiras e seguradoras. Mudar pode, à partida, parecer complexo mas, na realidade, poderá conseguir poupar milhares de euros, já que falamos de um empréstimo de longa duração que pode mesmo ultrapassar 30 ou 40 anos de prazo. Não sei deixe vencer pela inércia de mudar.

 

4) Consolidação. Para os orçamentos que já estão muito apertados, a consolidação dos créditos pode ser uma solução para conseguir reduzir o somatório das prestações mensais e dar uma maior folga ao seu orçamento. No entanto, não se esqueça que ao juntar todos os empréstimos num só estará a aproveitar para diluir o prazo dos créditos de mais curto prazo em longo prazo. Ou seja, apesar de conseguir reduzir as prestações mensais, no final do empréstimo poderá pagar mais. Ainda assim, a consolidação, quando adotada, faz sentido aproveitar a poupança conseguida para depois iniciar um plano de desendividamento, ou seja, amortizar esse grande crédito.

 

5) Eletricidade. Mudar as lâmpadas incandescentes para economizadoras, ou mesmo de LED, permite reduzir a fatura da eletricidade. Evite ainda deixar os aparelhos em stand by - pode ligar a uma tomada inteligente, ou com botão de ligar e desligar, e antes de ir dormir desligar a tomada e, consequentemente, todos os aparelhos. Avalie se a tarifa de eletricidade que tem na sua casa é a mais ajustada, para não estar a pagar mais desnecessariamente.

 

6) Água. Opte por tomar duches rápidos em vez de banhos de imersão e conseguirá poupar cerca de 80 mil litros de água por ano. Evite deixar torneiras a pingar, e apenas utilize a dupla descarga no autoclismo quando necessária. Se tem um desumidificador pode aproveitar essa água para depois lavar o chão ou regar as plantas.

 

7) Telecomunicações. Faça simulações em diferentes operadores e veja o que está a pagar está adequado às suas necessidades. De seis em seis meses pode tentar negociar novamente com as operadoras condições mais favoráveis, tendo em conta novos preçários e ofertas.

 

8) Comissões bancárias. Há bancos que isentam de comissões de manutenção de conta e até oferecem os cartões para quem tem conta ordenado, enquanto que outros nem sequer exigem que tenha ordenado domiciliado. Faça um levantamento dos preçários.

 

9) Supermercado. Faça uma lista antes de ir ao supermercado e procure segui-la. Consulte o Promos SAPO para ver os folhetos e promoções dos diferentes supermercados e planear as suas compras. O Kuanto Kusta Supermercados também o ajuda a comparar cabazes e preços de produtos. Aproveite os cupões e talões de desconto para reduzir a fatura das compras do supermercado.

 

10) Viagens. Se planeia viajar de avião compare os preços através dos sites Momondo, Edreams ou Rumbo. Seja flexível nas datas e proure com antecedência, a terça-feira, depois de almoço, é o melhor dia para se comprar bilhetes, segundo um estudo da norte-americana Airlines Reporting Corporation (ARC). Os hostels e alugar apartamentos através do Airbnb são boas alternativas para a estadia.

 

11) IRS. Não se esqueça de ir validando as faturas pendentes no portal E-Fatura. Caso contrário não irá ter direito ao benefício fiscal, o que pode ser a diferentes entre receber ou pagar IRS. Não deixe tudo para a última hora, até porque pode já não se recordar onde fez a despesa.

 

12) Presentes de Natal. Defina uma lista e de quando quer gastar. Divida as compras por diferentes meses e esteja ateto às promoções. Opte por fazer os próprios presentes, seja uma compota, album de fotografias ou outra prenda. Pode sempre optar por fazer uma troca de presentes tipo "amigo secreto", ou seja, define-se um montante e cada pessoa compra um presente apenas e depois no Natal troca-se. Assim em vez de 10 só tem de comprar um e toda a gente recebe.

 

Estas e muito mais dicas prática e úteis estão disponíveis na Agenda da Poupança 2017, que além de ser uma boa ferramente de poupança é também um bom presente de Natal para todas as idades.

 

Ficam as dicas!

6 comentários

Comentar post