Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As dicas da Ba

Um blog 360º com dicas e sugestões para as diferentes áreas da vida.

Dicas para lidar com o cartão de crédito

Ba 15.04.13

Nos últimos anos as taxas de juro associadas ao cartão de crédito têm vindo a subir. Apesar de, em Portugal, nos últimos tempos ter havido um decréscimo da utilização, para quem usa, aqui ficam algumas dicas e alertas.

1- Optar pelo pagamento da dívida a 100%
Na hora de saldar a dívida do cartão de crédito o cliente tem duas opções: o pagamento total da dívida a 100% ou pagar apenas uma parcela da dívida. Os consumidores que escolham a primeira opção podem beneficiar da isenção de juros, enquanto que optando pela segunda hipótese já terá de pagar juros sobre o valor que não liquidou, adiando para os meses seguintes o pagamento do restante da dívida. Uma vez que as taxas associadas aos cartões de crédito são elevadas é aconselhável que opte pelo pagamento a 100%. Dessa forma fica isento de juros pagando apenas a anuidade que, nalguns casos, também é gratuita.

2- Escolha o cartão com a TAEG mais baixa 
Apesar de pagar a dívida a 100% ser mais vantajoso, há quem opte pelo pagamento faseado do cartão de crédito. Nestes casos, em que o cliente deixa passar a dívida para os meses seguintes, deve estar atento à Taxa Anual Efectiva Global (TAEG), uma vez que esta pode mesmo chegar quase aos 30%.

3- Evitar utilizar o ‘cashadvance'
Além do pagamento, os cartões de crédito dão ainda a possibilidade do cliente levantar dinheiro. Uma vez que se trata de um adiantamento ('cashadvance') o consumidor passa a estar sujeito ao pagamento de comissões elevadas. Por essa razão, recomendam os especialistas que evite utilizar o levantamento com o cartão de crédito, optando pelo cartão de débito.

4- Escolha as anuidades mais baratas
O valor da anuidade pode ser um dos principais critérios de escolha do cartão de crédito, sobretudo para quem opte pelo pagamento a 100%. Há casos em que a anuidade é mesmo gratuita, no primeiro ano. No entanto, tenha atenção à anuidade cobrada nos anos seguintes. O valor da anuidade depende da gama do cartão (Classic ou Gold/Premier/Platinium). Por norma, as gamas mais baixas têm anuidades mais baratas.

5- Utilizar cartão no estrangeiro sai mais caro
O custo de utilização do cartão no estrangeiro é variável consoante o país. Embora na Zona Euro não tenha de suportar custos, fora desta região estará sujeito a comissões que podem chegar quase aos 3%.

Ficam aqui 5 dicas sobre os cuidados a ter com o cartão de crédito.

Mais sobre o tema em "Tempos Complicados, Soluções Simples - Aprenda a gerir melhor o seu dinheiro", editado pela Oficina do Livro.

Acompanhe "As Dicas da Bá" também no Facebook. Clique aqui e faça "like" da página.