Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As dicas da Ba

Um blog 360º com dicas e sugestões para as diferentes áreas da vida.

7 Dicas para poupar combustível

Ba 29.04.15

LIS6145.jpg

O combustível é um custo importante para quem tem carro. No entanto, seguindo algumas dicas práticas é possível conseguir ter uma condução não só mais eficiente, segura e ecológica, como gastar até menos 20% do combustível. Quem o garante é Ángel Suárez, engenheiro no Centro Técnico SEAT.

 

Para conseguir poupar no combustível, este perito diz que basta alterar alguns hábitos de condução. E deixa 7 dicas:

 

1) Tipo de condução: Os gestos que mais contribuem para o aumento do consumo de combustível são os arranques com demasiada aceleração, as travagens bruscas em cidade e conduzir com mudanças baixas em autoestrada. Diz também que em cidade os condutores tendem a “acelerar e a travar de forma exageradamente repentina, o que compromete o consumo”. Para evitar estas reações, “é importante antecipar o que está à frente”. Por exemplo, quando se aproxima de um semáforo vermelho, deve levantar o pé do acelerador e deixar o carro desacelerar por si através do efeito travão-motor, se necessário reduzindo na caixa de velocidades.

 

2) Mudanças: No que concerne à escolha da mudança certa, o engenheiro do Centro Técnico recomenda que conduza sempre na mudança mais elevada possível. Assim que conseguir engrenar a segunda, suba de relação tão depressa quanto possível, sem receio. Note que a 40 km/h pode já ter a quarta engrenada, e para a 6ª chegam 60 km/h. No entanto, lembre-se que a partir dos 80 km/h, mesmo já estando em sexta velocidade, “terá que exercer mais pressão no acelerador, o que significa injetar mais combustível para o motor”, aumentando assim os consumos.  

 

3) Temperatura do motor: Também há umas dicas para o arranque com o motor frio. “Não tem que esperar que o motor aqueça, nem acelerar em ponto-morto. Assim que der à chave, carregue no pedal da embraiagem e arranque em primeira passando para segunda logo que percorra a distância equivalente ao comprimento de um automóvel”, explica Suárez.

 

4) Pneus: Antes de entrar no carro é também importante fazer umas quantas verificações. Os pneus têm que estar em ótimas condições, devendo verificar a pressão e evitar utilizá-los se tiverem rasto com pouca profundidade.

 

5) Distribuição do peso: Também não deve sobrecarregar o automóvel. “Deve distribuir a carga de forma equilibrada pela bagageira; e tendo uma caixa de carga no tejadilho lembrar-se que este acessório penalizará bastante o consumo de combustível”, assegura o engenheiro.

 

6) Ar-condicionado: Com a chegada do tempo quente começam as dúvidas sobre o que gasta menos combustível: devemos baixar o vidro ou ligar o ar condicionado? É sempre preferível baixar o vidro se conduzir a baixa velocidade, e subir o vidro ligando o ar condicionado quando ultrapassa os 80 km/h.

 

7) Ponto-morto:Finalmente, outra questão importante é a de que em situaçoes deve ser engrenado ponto-morto na caixa de velocidades. “Muitas vezes constatamos que as pessoas deixam o carro deslizar em ponto-morto quando descem uma colina. Isto é um erro porque com a caixa desengatada o motor continua a consumir combustível. A ação correta é manter engrenado o carro, utilizando o motor como travão; para que retirando o pé do acelerador não haja qualquer consumo de combustivel porque a alimenção é cortada”, conclui Suárez.

 

Agora é só aplicar as sugestões do especialista e aproveitar a poupança. Agradece o carro e a carteira.

 

Ficam as dicas!

1 comentário

Comentar post