Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As dicas da Ba

Um blog 360º com dicas e sugestões para as diferentes áreas da vida.

IRS: Última oportunidade para reclamar as despesas!

Ba 14.03.17

IRS.jpg

Dia 15 de Março é o último dia para reclamar as despesas para o IRS com as quais não concorde. Tal como já vos tinha dito aqui, está disponível a página da deduções do IRS para reconfirmação das faturas, no portal das Finanças. Neste site os contribuintes podem reconfirmar todas as faturas e despesas que são dedutíveis no IRS e se não concordarem têm até dia 15 de Março para reclamar caso não concorde com algum valor ou despesa.

 

Nesta página os contribuintes têm uma visão global de todas as despesas que entram no IRS. Já que aparecem não só as faturas que foram validade no E-Fatura, como todas as outras que não apareciam, como por exemplo: as propinas, taxas moderadoras, recibos da rendas, seguros de saúde, valores dos juros do crédito à habitação, etc.

 

Podem ver aqui como aceder. Não se esqueçam de verificar para ter tudo pronto para a entrega do IRS que, este ano, acontece entre 1 de Abril e 31 de Maio.

 

Fica a dica!

As mulheres e o dinheiro: 8 dicas para gerir as suas finanças

Ba 08.03.17

womenmoney.jpg

(Foto: Credit)

 

Há diferenças na relação com o dinheiro entre homens e mulher. Em primeiro lugar há fatores diferentes: as mulheres tendem a ganhar menos do que os homens (mesmo em posições semelhantes), a esperança média de vida é superior, em situações de divórcio demoram mais tempo a recuperar financeiramente e, por norma, costumam ficar com os filhos a cargo, as mulheres tendem a delegar mais frequentemente as questões financeiras noutras pessoas. Todos estes fatores são determinantes para que a relação com o dinheiro seja diferente entre homens e mulheres.

 

1) Não delegue noutra pessoa – como o marido ou namorado – a gestão do seu dinheiro. O ideal é ser você mesma a cuidar do seu dinheiro e estar a par da saúde das suas finanças.

 

2) Estabeleça objetivos financeiros e metas de poupança. Comece por fazer um orçamento para descobrir qual o estado atual das suas finanças e depois defina as metas que pretende atingir.

 

3) Aumente a sua literacia financeira. É essencial que olhe para este saber como um investimento que lhe vai dar retorno. Invista nalguns livros, agenda, cursos, acompanhe blogs e sites e leia informação relevante. Só assim ficará melhor preparada para gerir de forma eficaz as suas finanças

 

4) Crie um fundo de emergência. Uma situação de desemprego, doença, divórcio ou morte de um elemento da família é uma situação inesperada que pode levar a uma situação financeiramente complicada. Comece por definir um valor de poupança mensal que destinará à criação deste fundo de emergência que deverá ter o suficiente para, pelo menos, suportar o equivalente a 3 a 6 meses de despesas.

 

5) Gaste menos do que ganha e invista a diferença. Se quer ver a sua poupança a crescer tem de conseguir que o saldo entre o que recebe e o que gasta seja positivo. E para que as suas poupanças cresçam deverá investir de acordo com o seu perfil de risco.

 

6) Envolva toda a família na gestão do orçamento familiar. Aproveite para ir transmitindo conceito de finanças pessoais, e de poupança, aos filhos e falem sobre o tema.

 

7) Não tenha medo de falhar. Muitas vezes há um receio de definir um plano e de não o atingir. Não tem qualquer mal. Os planos existem para nos orientar mas podem ser refeitos, ajustados. O ideal é aprender com os erros e definir novas metas.

 

8) Seja consciente nas compras e avalie se determinado produto ou serviço é algo que deseja ou que necessita. Não há mal nenhum em comprar coisas que desejamos – seja roupa, sapatos, uma viagem, etc – o importante é que o orçamento tenha capacidade para acomodar essa despesa.

 

Ficam as dicas!

 

IRS: Já pode confirmar as deduções

Ba 02.03.17

IRS.jpg

Já está disponível a página da deduções do IRS para reconfirmação das faturas, no portal das Finanças. Neste site os contribuintes podem reconfirmar todas as faturas e despesas que são dedutíveis no IRS e se não concordarem têm até dia 15 de Março para reclamar caso não concorde com algum valor ou despesa.

 

Nesta página os contribuintes têm uma visão global de todas as despesas que entram no IRS. Já que aparecem não só as faturas que foram validade no E-Fatura, como todas as outras que não apareciam, como por exemplo: as propinas, taxas moderadoras, recibos da rendas, seguros de saúde, valores dos juros do crédito à habitação, etc.

 

Embora os contribuintes não possam alterar nada aqui, podem verificar todas as despesas e, caso não concordem com algum montante ou despesa, podem reclamar junto da Autoridade Tributária e Aduaneira até 15 de Março. No entanto, essa reclamação não suspende a data de entrega do IRS. Ou seja, os prazos ara entrega de IRS continuam a ser – para todos os trabalhadores – de 1 de abril a 31 de maio.

 

Desta forma, os contribuintes conseguem ver todas as despesas que irão depois aparecer na declaração de IRS, que já virá pré-preenchida.

IRS - deducoes.png

Como aceder?

Para aceder é necessária a senha de acesso ao Portal das Finanças. Depois tem de ir à página principal do Portal das Finanças e clicar onde diz "Declaração de IRS entregar/consultar comprovativo” e depois clicar em “Consultar despesas para deduções à coleta" e escolher o ano “2016”.

 

Depois irá ser-lhe pedida a senha de autenticação para entrar e após a validação terá acesso ao novo site onde vai encontrar as várias categorias, com um aspecto gráfico semelhante ao E-Fatura, e onde deverá encontrar as deduções por cada uma das categorias.

 

O valor da dedução é calculado individualmente sem atender à composição do agregado familiar nem ao regime de tributação (separada ou conjunta). Em cada categoria poderá clicar em "ver detalhes", seguido de "mais informação" e depois irá ter acesso a todas as despesas dessa mesma categoria.

 

Agora já podem ver todas as vossas despesas.

 

Partilhem esta informação para que o máximo de pessoas saiba.

 

Fica a dica!

 

Acompanhem também a página do FacebookInstagram e Canal.

Candidaturas a renda baixa em Lisboa terminam a 15 de Março

Ba 22.02.17

Lisboa.jpg

Estão a decorrer as candidaturas para o programa de renda convenciada que permite o acesso a rendas de imóveis a um preço mais baixo, promovida pela Câmara Municipal de Lisboa. Estão disponíveis no programa imóveis de diferentes tipologias com rendas entre 116 e 474 euros.

 

Este programa destina-se a agregados familiares com carência habitacional, e cujos rendimentos não lhes permitem ter acesso ao Mercado de arrendamento normal, mas que não sejam abrangidos pela habitação social.

 

As candidaturas para este programa decorrem até 15 de março e devem ser feitas online, através do preenchimento do formulário do programa Re-Habitar. Consulte mais informações aqui.

 

Fica a dica!

Atenção: Último dia para validar as faturas no E-Fatura!

Ba 15.02.17

Screenshot 2017-02-08 12.51.00.png

É hoje, dia 15 de Fevereiro, o último dia para validação das faturas no Portal E-Fatura. Não se esqueçam. Podem estar a perder muito dinheiro se não o fizerem. Podem encontrar informação sobre este assunto num texto que escrevi aqui e aqui.

 

Leiam ainda "IRS: Porque razão não aparecem as despesas de saúde, propinas, crédito à habitação ou seguros no E-Fatura?"

 

Partilhem!

 

IRS: Porque razão não aparecem as despesas de saúde, propinas, crédito à habitação ou seguros no E-Fatura?

Ba 08.02.17

Screenshot 2017-02-08 12.51.41.png

Tenho vos alertado aqui, desde o final do ano passado, da necessidade de irem ao portal E-Fatura, validarem as vossas faturas que estão pendentes. Caso contrário podem estar a perder o benefício fiscal associado. E isso pode ser a diferença entre pagar e receber reembolso de IRS.

 

A validação das faturas no portal E-Fatura tem de ser feita até 15 de Fevereiro! Não se esqueçam! 

 

Muitas das pessoas que já foram ao E-Fatura têm me questionado porque razão não estão aparecer as despesas do centro de saúde, do seguro, do crédito à habitação ou mesmo das propinas da faculdade. A razão é apenas uma: no E-Fatura estão todas as faturas que foram emitidos por estabelecimentos que já comunicaram ao Fisco os números de contribuinte (NIF). Organismo públicos, senhorios apenas o fazem em janeiro, e por isso é que ainda não estão visíveis.

 

Todas as outras despesas vão aparecer depois, em Março, numa outra área do portal das Finanças.Será aí  que os contribuintes vão ter uma visão global de todas as despesas que entram no IRS. Já que irão aparecer não só as faturas que foram validadas no E-fatura, como todas as outras que não aparecem, como por exemplo: as propinas, taxas moderadoras, recibos da rendas, seguros de saúde, valores dos juros do crédito à habitação, etc.

 

Este área estará disponível mais tarde e o acesso será feito com a mesma senha das Finanças. E embora os contribuintes não possam alterar nada aqui, podem verificar todas as despesas e, caso não concordem com algum montante ou despesa, podem reclamar junto da Autoridade Tributária e Aduaneira. Desta forma, os contribuintes conseguem ver todas as despesas que irão depois aparecer na declaração de IRS, que já virá pré-preenchida.

 

Portanto, se alguma destas despesas não aparece no E-Fatura não se preocupem. Estas só devem aparecer mais tarde. Para já, o importante é validarem todas as faturas até 15 de Fevereiro.

 

Partilhem esta informação para que ninguém perca dinheiro!

 

Acompanhem também a página do FacebookInstagram e Canal.

Mais uma turma fantástica a caminho da independência financeira!

Ba 31.01.17

IMG_8956.JPG

Há já muito tempo que queria ir ao Porto dar formação. A agenda não tinha permitido no final do ano passado e, por isso, ficou marcado para o arranque de 2017.

 

No sábado, um grupo fantástico reuniu-se no Porto para o Workshop Intensivo de Finanças Pessoais. A minha gratidão é imensa perante mais uma turma fantástica. O grupo era bastante diversificado, com pessoas de diferentes idades e áreas profissionais. A partilha foi incrível e foi um dia muito enriquecedor. Quem participou no workshop está um passo à frente em termos de inteligência financeira. Agora conhecem alguns dos segredos das pessoas que sabem verdadeiramente acumular riqueza.

 

O feedback dos participantes foi incrível e desejo os maiores sucessos a todos os participantes. Que se inicie a nova caminhada rumo ao independência financeira.

 

Para quem quer também quer mudar a sua relação com o dinheiro e aprender a gerir melhor o orçamento ainda vai a tempo de se inscrever no Workshop Intensivo de Finanças Pessoais de Lisboa, que será no dia 11 de Fevereiro. Mais informações em info@moneylab.pt

Cartão Continente dá 10% de desconto em todas as marcas parceiras

Ba 24.01.17

Frame15.tiff

O cartão Continente faz 10 anos e para assinalar a data vai oferecer descontos em cartão em todas as marcas parceiras.

 

Assim, nos dias 23, 24 e 25 de janeiro tem 10% de desconto em cartão em toda a loja Continente e ainda na Well’s, MO, Zippy, Bagga/ Bom Bocado, Note!, Meu Super, ZU e Go Natural. Além disso, tem 10 cêntimos de desconto, por litro, nos abastecimentos com o Cartão Continente na Galp.

 

Podem consultar mais informação no site do Cartão Continente.

 

Aproveitem os descontos nas diversas marcas. Fica a dica!

E num instante passaram 20 anos

Ba 23.01.17

multibanco.jpg

Já passaram 20 anos desde que foi permitido fazer o primeiro carregamento de telemóvel através de uma caixa multibanco. Lembro-me da revolução que foi na altura, mas agora quando recebi esta informação nem queria acreditar que já passaram duas décadas. O Multibanco é, de facto, um serviço muito útil e, para algumas transações, continua a ser a forma mais barata para poupar em comissões.