Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As dicas da Ba

Um blog 360º com dicas e sugestões para as diferentes áreas da vida.

Dicas para o festival Rock in Rio

Ba 18.05.16

mapa_RiR2016.png

Nos dias 19, 20, 27, 28 e 29 de Maio o Parque da Bela Vista volta a ser palco de mais uma edição do Rock in Rio Lisboa.

 

Para que usufrua do festival em pleno, a organização do Rock in Rio deixa algumas dicas em termos de transportes, vestuário, alimentação, segurança, alguns cuidados essenciais, entre outras sugestões.

 

Transportes:

Chegue com antecedência ao parque da Bela Vista, apesar de não haver concertos logo, as portas abrem às 16h00 e há inúmeras atividades para aproveitar. Opte pelos transportes públicos para chegar à Cidade do Rock. A estação de metro mais próxima é a de Bela Vista, linha vermelha, que irá funcionar no seu horário regular. No entanto para o regresso a casa, a Carris disponibiliza duas carreiras que irão funcionar entre as 03h00 e as 04h00, em conformidade com a afluência de passageiros no local.

 

Vestuário:

O evento realiza-se num parque natural, a céu aberto, pelo que vestuário deve ser confortável. Escolha blusas frescas para o dia e casacos quentes para a noite. Como o recinto ainda é grande, e com algumas colinas, opte por uns ténis confortáveis, que permitam dançar e aproveitar ao máximo os concertos e festas do Rock in Rio Lisboa.

 

Cuidados essenciais:

Se fizer calor, não esquecer o protetor solar, chapéu ou lenço. Se chover, não é por isso que vai perder a festa, traga um impermeável.

Beba muita água para evitar desidratações e manter o equilíbrio natural do corpo. São muitas horas de pé e a dançar, pelo que tudo o que ingerir é fundamental para o nosso organismo.

É permitido entrar com sumos e águas – excepto garrafas de plástico com tampa – e comida em quantidades reduzidas. Para quem não trouxe nada, a Cidade do Rock tem cerca de 15 pontos de bar e alimentação onde se pode comprar águas e sumos, e provar inúmeras delícias gastronómicas.

 

Alimentação:

Para além das já habituais lojas da Telepizza, Psicológico, Portugália, Primor, O Padeiro, Sabor Serrano, Afonso dos Leitões, Sinal Mais, Schweppes, Joshua Shoarma, Delta Cafés, Continente, Super Bock, Pepsi, Kebab Golden, Tinto de Verano La Casera, Mister Pig, Burger Runch, esta edição conta também com menus especiais Rock in Rio, dos chefs Vítor Sobral, Kiko, Nuno Bergonse, e novos espaços de restaurantes com Masstige e XL. Aproveite e enriqueça esta experiência com novos sabores!

 

Proibido:

Não podem entrar no recinto alimentos destinados ao comércio ou objetos que representem riscos à segurança (garrafas, latas, capacetes, animais, armas de fogo e outros objetos que possam ser considerados perigosos). Estão também proibidas as gravações e transmissões em áudio ou vídeo da totalidade ou de parte do evento por qualquer meio. Máquinas fotográficas e “selfie sticks” também não são permitidos.

Se por acaso trouxe algum destes objetos, o Rock in Rio disponibiliza serviço de bengaleiro, gratuito, junto à rotunda da Bela Vista.

 

Segurança:

O Plano de Segurança é fundamental para a organização do festival. Em conjunto com várias forças de intervenção - Polícia de Segurança Pública, Prosegur (empresa privada de segurança), Serviço Municipal de Proteção Civil, Bombeiros, entre outras – o Rock in Rio tem à sua disposição mais de 1000 profissionais na operação exterior e interior da Cidade do Rock, para garantir a máxima segurança a todos os seus visitantes.

 

Cuidados médicos:

O grupo Lusíadas vai disponibilizar um Centro Médico, junto ao Palco Mundo, que inclui uma área dedicada a medicina intensiva. Terá ainda um Posto de Saúde, com uma dimensão mais reduzida, que permite dar assistência imediata numa localização diferente do recinto, junto ao Palco Vodafone e à Eletrónica. Para além destes espaços físicos, por todo o recinto haverá equipas móveis de médicos e enfermeiros, prontos a prestar assistência a qualquer membro do público.

 

Horários:

  • As portas abrem às 16h e encerram às 04h, exceto no dia 29 de maio, em que a abertura e encerramento de portas ocorre uma hora mais cedo.
  • Palco Mundo: Início às 19h e encerra às 2h, exceto no dia 29 de maio, em que inicia às 18h e encerra às 1h
  • Palco Vodafone: Início às 16h45 e encerra às 21h, exceto no dia 29 de maio, em que inicia às 15h45 e encerra às 20h
  • EDP Rock Street: Início às 16h15 e encerra às 22h, exceto no dia 29 de maio, em que inicia às 15h15 e encerra às 21h
  • Pool Parties: Início às 18h e encerra às 21h, exceto no dia 29 em que inicia às 17h e encerra às 20h
  • Eletrónica: Início às 22h e encerra às 04h, exceto no dia 29 de maio em que inicia às 21h e encerra às 03h

 

Antes de rumar à Cidade do Rock não se esqueça destas dicas!

 

Roberta Medina: "O português é mais poupado que o brasileiro"

Ba 21.04.16

RobertaMedina.jpeg

Nasceu no Brasil mas o coração já se divide entre Portugal e Terra de Vera Cruz. É a mulher responsável por um dos maiores eventos de música e já conquistou há muito o público português com o seu sorriso e carisma. Roberta Medina é a vice-presidente do Rock in Rio e, nos últimos dias, tem andado numa verdadeira correria já que Lisboa vai ser palco de mais um evento do Rock in Rio nos dias 19,20, 27, 28 e 29 de Maio.

 

Aproveitámos uma das apresentações do Rock in Rio para saber como Roberta lida com as suas finanças pessoais. Leia a entrevista ao blog As Dicas da Bá:

 

Qual a sua relação com o dinheiro?

A minha relação com o dinheiro é prática. Uma coisa que sempre foi importante na minha educação, em casa, é que não importa se é mais ou menos dinheiro tem que levantar, tirar a mesa, arrumar a casa, limpar, etc. Tinha uma consciência muito grande do valor das pessoas. O dinheiro podia ir ou vir mas existiam coisas muito mais importantes. E que nós tínhamos, acima de tudo, de ter uma atitude muito proativa em relação à vida. Acho que tive a benção de crescer sem passar por nenhuma necessidade, não sei o que é isso, mas tenho um compromisso muito grande. Não é que não use o meu dinheiro. Eu trabalho e ganho o meu dinheiro, e tenho esse direito de usar mas acho que ele traz responsabilidades também. Até porque há muita gente no mundo que não tem.

 

O que costuma trazer sempre na carteira?

Carteira, caneta, telemóvel, batom. Tralha, né? (risos).

 

Quem é mais gastador: homem ou mulher? E como é lá em casa?

Eu não sei. Eu não gosto muito dessa questão do género porque não é verdade que é um ou outro. Existem homens que gastam muito, e existem mulheres que gastam muito. Agora lá em casa, acho que eu. Mas também sou eu que faço a gestão das coisas da casa, tenho que gastar mais. (risos)

 

Lembra-se do que comprou com o primeiro ordenado?

Eu lembro que o primeiro salário que eu tive, e eu ganhava pouquinho, foi como assistente, de assistente, de assistente no Barra Shopping. E, na altura, o meu pai parou a mesada e eu passei a assumir as responsabilidades. Eu tinha 17 anos. Eles pagavam a faculdade e, a partir de determinadno momento passei a pagar tudo desde a gasolina, seguro de saúde, etc. Assumi muito os gastos que eles tinham comigo.

 

Qual foi o melhor investimento que fez?

Acho que o meu cachorro (risos). Isso é uma brincadeira, né? Investimento sério acho que sempre nas coisas essenciais, na saúde, etc. Eu brinco que foi meu cachorro porque foi ele que escolheu o marido, e com o marido veio a filha linda e fofa. O cachorro foi espetacular (risos).

 

Qual o valor que a faria deixar de trabalhar?

Não tem a ver com valor. Eu tenho uma busca eterna por plenitude, e isso não tem a ver com valor financeiro, nem com o que se faz. Tem a ver com o que quer que você esteja fazendo, seja dona de casa, vendedora de loja, empresário, vocês esteja muito inteira naquilo. Por isso, acho que não tem assim um valor.

 

E que objeto é que não venderia por dinheiro nenhum?

Objeto? Eu não sei se tinha alguma objeto que não venderia por dinheiro nenhum. Eu não consigo pensar em nada agora porque acho que depende. É que dinheiro nenhum dá uma dimensão muito alargada. E aí eu acho que o objeto pode perder sentido, perto de uma coisa muito melhor que você pode fazer com esse dinheiro que vem. Imagina que é uma coisa muito importante que você vai poder realizar o sonho de muitas pessoas, que vai fazer bem para muita gente, vai o objeto.

 

Português ou brasileiro: quem é mais poupado?

Acho que o português é mais poupado que o brasileiro

 

Qual foram os melhor conselhos, a nível financeiro, que alguma vez recebeu?

Não consigo dizer um conselho financeiro, acho que tem muito a ver com a educação que tivemos em casa. Acima de tudo não dar demasiado valor ao dinheiro, e às coisas materiais.

 

E que conselho gostaria de deixar para a sua filha?

Que ela não leve dinheiro muito a sério. Que temos de trabalhar, de ter dinheiro, que vivemos em sociedade e o dinheiro é uma moeda importante. Eu costumo dizer que gostaria que existissem duas moedas: uma que fosse dedicada a saúde, comida, casa, educação, e o resto para fazer outras coisas. O que é disparatado é que o mesmo dinheiro que compra uma coisa muito cara, que é um objeto de luxo, é o dinheiro que alimenta alguém. Isso não devia ser assim. O que é importante é ela entender o que realmente tem valor no mundo, são as pessoas, o ser humano, a saúde. Acima de qualquer coisa. Já o dinheiro: toca a trabalhar para correr atrás, fazer por ele. Afinal quantos exemplos de pessoas nós conhecemos que tiveram o dinheiro de uma forma muito fácil e perdem a motivação. E deixam de ter vontade. Nós hoje estamos numa sociedade bastante alterada em termos de valores. Mesmo no Brasil com a diferença social grande que existe, tive uma experiência de perguntar para uma pessoa que mora na favela, em condições ruins: “Mas o que é que você quer?” “Um tablet.” Está tudo alterado. Ela acha que é a referência de sucesso - óbvio que não é só isso. Mas a primeira coisa que respondeu foi um tablet. E não é um tablet. Devia ser primeiro a escola do filho, uma casa melhor, sei lá. Tinha tantas coisas que podiam entrar antes. Estamos numa sociedade de valores alterados. E o que eu espero é que a Lua (a filha), ou se tiver mais filhos, pelo menos estejam bem alinhados no que realmente tem valor

 

Leia também outras entrevistas aqui.

 

Acompanhe também a página do Facebook e o Instagram.

 

Para receberem todas as novidades em primeira mão podem subscrever por e-mail o blog.

 

Ir ao Rock in Rio sem dinheiro

Ba 12.04.16

Screenshot 2016-04-12 18.36.18.png

 

Já pode ir ao Rock in Rio Lisboa deste ano sem carteira, cartões ou dinheiro. Basta o telemóvel. A SIBS e o Rock in Rio-Lisboa juntaram-se numa parceria que vai permitir que, nos dias 19, 20, 27, 28 e 29 de Maio, a Cidade do Rock ofereça aos seus visitantes o serviço MB WAY, que permite efetuar pagamentos através do telemóvel.

 

Esta é a primeira vez que um festival de música, em Portugal, disponibiliza um sistema de pagamento com telemóvel, fazendo também desta a primeira experiência cashless (sem dinheiro) no Rock in Rio-Lisboa.

 

Com esta experiência, pretende-se dar a oportunidade aos espaços comerciais da Cidade do Rock de estarem equipados com terminais de pagamento compatíveis com MB WAY, onde basta aos clientes terem o serviço ativo para pagar através do telemóvel. 

 

“Com esta solução, os participantes poderão desfrutar do evento e fazer as suas compras no recinto, nos espaços aderentes, sem ter de recorrer a dinheiro ou cartões”, afirma Madalena Cascais Tomé, CEO do Grupo SIBS.

 

“Até hoje 100 mil portugueses já aderiram ao MB WAY. Estamos certos que esta parceria que irá permitir o acesso ao serviço nacional de pagamentos móvel mais moderno e completo de Portugal, será uma mais valia para os visitantes da Cidade do Rock”, conclui. Roberta Medina, Vice-Presidente do Rock in Rio, acrescenta que “a inovação faz parte do ADN do Rock in Rio e, nesse sentido, esta parceria é mais um passo no sentido de facilitar a vida dos nossos fãs.”.

 

Quem ainda não tiver aderido ao MB WAY, pode fazê-lo no recinto e esclarecer todas as dúvidas sobre a utilização com os assistentes disponíveis nos pontos de venda, junto ao equipamentos Multibanco e em vários pontos do recinto.

 

Para começar a usar o MB WAY, basta fazer download da aplicação disponível para iOS, android e Windows (no smartphone ou tablet) e aderir ao serviço num Multibanco ou no homebanking, associando os cartões que desejar ao seu número de telefone e definindo o PIN MB WAY (com 6 dígitos) que irá utilizar para validar todas as operações no seu smartphone ou tablet.  Podem ver como funciona o MB WAY tanto para compras online, como em lojas, neste vídeo:

Já agora convém não se esquecerem do carregador, porque se ficam sem bateria, ficam sem "dinheiro". E não se preocupem que haverá espaços de carregamento no recinto.

 

Fica a dica!

Bilhetes para o Rock in Rio-Lisboa à venda com desconto

Ba 28.01.16

rock-in-rio-2016-lisboa-617x410.jpg

Está quase a arrancar a venda oficial de bilhetes para o Rock in Rio Lisboa 2016, que irá trazer a Portugal artistas como Bruce Springsteen & The E Street Band, Queen+Adam Lambert, Hollywood Vampires, Marron 5, entre outros.

 

A 7.ª edição do Rock in Rio-Lisboa realiza-se no Parque da Bela Vista, nos dias 19, 20, 26, 27 e 28 de maio.

 

A venda oficial arranca a 11 de Fevereiro e, neste momento, os fãs já podem garantir a sua presença no evento ao adquirir o Cartão Dá Rock, com 25% de desconto em cartão Continente - à venda no site e nas lojas Continente.

 

O Cartão Dá Rock garante o acesso a um dos cinco dias do evento, sujeito a disponibilidade, e apartir do dia 1 de fevereiro deverá ser associado ao dia preferido neste site. O Cartão Dá Rock não necessita ser trocado por um bilhete para dar acesso ao evento, pelo que o cliente deverá levá-lo consigo para a Cidade do Rock.

 

Os fãs que adquiriram o Kit de Natal Rock in Rio-Lisboa 2016 poderão proceder à troca do voucher a partir desta mesma data, até dia 31 de março. No caso do Kit de Natal os fãs poderão efetuar a troca do voucher pelo bilhete diário numa loja FNAC sendo que, após 31 de março, o cliente continua com direito ao bilhete porém sujeito à disponibilidade de cada dia do evento. No caso do Cartão Dá Rock, o cartão deverá ser associado ao dia pretendido em www.rockinrio.continente.pt (sujeito a disponibilidade), até 15 de abril.

 

Já fazem parte do Cartaz do evento:

19 de maio: Bruce Springsteen & The E Street Band; Rock in Rio – O Musical

20 de maio: Queen+Adam Lambert; Mika; Fergie; Rock in Rio – O Musical

27 de maio: Hollywood Vampires; Korn; Rival Sons; Rock in Rio – O Musical

28 de maio: Maroon 5; Ivete Sangalo; Rock in Rio – O Musical

 

O Rock in Rio-Lisboa vai, também, contar com a apresentação de diversos artistas na Eletrónica, Palco Vodafone e Rock Street Brasil que, em breve, serão divulgadas pela organização, assim como os restantes nomes do cartaz do Palco Mundo.

 

Queen tocam no Rock in Rio-Lisboa 2016

Ba 09.11.15

Queen+Adam_RockinRIo2015_2.jpg

30 anos após uma atuação histórica na primeira edição do Rock in Rio, os Queen regressaram à Cidade do Rock para recordar a mágica noite de 1985.

 

Desta vez será Lisboa a receber os Queen, na celebração dos 30 anos do Rock in Rio, e Adam Lambert foi o escolhido para substituir a voz de Freddie Mercury.

 

“Há trinta anos, os Queen atuaram no Rock in Rio perante 250.000 fãs e Freddie Mercury conduziu um autêntico coro enquanto o público cantava “Love of My Life”. Este momento ficaria para sempre gravado na história do festival e na história da música” afirma Roberto Medina, Presidente e Fundador do Rock in Rio. “Estamos muito entusiasmados por receber Queen + Adam Lambert no Rock in Rio-Lisboa, sem dúvida que será mais um momento inesquecível", acrescenta.

 

A banda atua no dia 20 de Maio de 2016, naquele que será o primeiro dia de Rock in Rio-Lisboa. Este será o primeiro concerto de Adam Lambert em Portugal, país que recebe os Queen pela segunda vez. 

 

Eu já marquei na agenda. E vocês?